1º semestre: Receitas das Pousadas de Portugal aumentam 1 milhão de euros

Nos primeiros seis meses do ano as receitas das Pousadas de Portugal tiveram um aumento de 1 milhão, o que corresponde a um crescimento de 15,5% comparativamente ao mesmo período de 2014 ao nível dos resultados brutos operacionais (GOP).

Estes resultados excluem as Pousadas do Freixo e Cascais que complementam uma outra oferta do Grupo Pestana – o Pestana Collection Hotels.

Comentando estes resultados, Miguel Velez, administrador das Pousadas de Portugal, afirmou que “reflectem que o produto Pousadas não só responde à procura do mercado nacional e internacional, como também tem sabido inovar e responder às solicitações mais exigentes.”

O executivo realça que esta “ tendência de forte crescimento registada em 2014 está a ser ainda mais forte nos primeiros 6 meses do ano e a ocupação para este verão está em níveis históricos”.

O primeiro semestre de 2015 ficou igualmente marcado pela abertura da Pousada de Lisboa – Praça do Comércio, no final de Maio, que registou uma taxa de ocupação na ordem dos 75% nos dois primeiros meses de operação, sendo que a previsão para Agosto é de superar os 85%.

Foi também neste período que a marca Pousadas de Portugal passou a integrar a cadeia internacional Small Luxury Hotels of the World, com a entrada das pousadas Mosteiro de Amares, Mosteiro do Crato, Palácio de Estoi, e de Lisboa).

M.M.