3ª edição do Tourism Train Experiences apresentada dia 13 em Évora

A Universidade Europeia, em parceria com o Turismo de Portugal e a CP – Comboios de Portugal, apresenta sexta-feira, 13 de Outubro, pelas 11h00, nos Claustros da Universidade de Évora, a 3ª edição do Tourism Train Experiences, cerimónia que conta com a presença de Ana Mendes Godinho, secretária de Estado do Turismo.

Iniciativa da Escola de Turismo e Hospitalidade da Universidade Europeia, o “TOurism Train Experiences” é um programa que visa reinventar o turismo ferroviário e as regiões de Turismo portuguesas com potencial de crescimento através de projectos de empreendedorismo e inovação concebidos por estudantes universitários

Nesta 3ª edição o foco será o Alentejo, com o programa a pretender valorizar o Turismo na região e destacar o comboio como o meio de transporte de eleição. Os responsáveis do programa estimam que participem 200 estudantes das Universidades (Universidade Europeia e Universidade de Évora), e Escolas do Turismo de Portugal (Portalegre, Vila Real de Santo António, Portimão, Faro e Setúbal). Os projectos vencedores serão apresentados na Bolsa de Turismo de Lisboa 2018 e as melhores propostas vão estar expostas no stand do Turismo do Alentejo.

Na apresentação da 3ª edição do Tourism Train Experiences vão ser abordados os desafios e o potencial do desenvolvimento turístico na região alentejana, com os estudantes a deverem desenvolver nos seus projectos temas como “Histórias, lendas e tradições”, “O Alentejo do antigamente (hábitos e costumes), “Experiências com história”, “Sabores do Alentejo”, “Ecoexperiências no Alentejo”, “Arte popular” e “Sabores Alentejanos”.

Antónia Correia, directora da Escola de Turismo e Hospitalidade da Universidade Europeia, refere que esta edição do Tourism Train Experiences “pretende consolidar o destino turístico Alentejo tendo como objectivo a salvaguarda e valorização ambiental, histórica e cultural da região”.

Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal, diz que “o objectivo é reforçar a coesão do destino e alargar a actividade turística a todo o país, durante todo o ano”, enquanto a secretária de Estado do Turismo destaca que a iniciativa “promove a dinamização do comboio como meio de descoberta do interior”.