Academia Portuguesa de Gastronomia celebra 25º aniversário

A Academia Portuguesa de Gastronomia comemora os seus 25 anos num jantar no Grémio Literário, a 24 de Novembro, com a presença do Primeiro-Ministro António Costa, da ministra da Presidência Maria Manuel Leitão Marques, do ministro da Saúde Adalberto Campos Fernandes, do presidente da Academia Internacional de Gastronomia Jacques Mallard e do presidente da Real Academia de Gastronomia Rafael Anson.

A Academia Portuguesa de Gastronomia, fundada em 1991, ocupa a vice-presidência da Academia Internacional e faz parte da Academia Ibero-americana de Gastronomia e da Academia de Gastronomia do Mediterrâneo. Para além dos prémios anuais de Arte de Cozinha, Arte de Sala e Literatura Gastronómica, a Academia publicou os Guias Galp e Guias Repsol da Restauração, participou e coordenou várias iniciativas, como o programa Algarve Gourmet e Prove Portugal, colaborou no campo da saúde alimentar com a Fundação Portuguesa de Cardiologia e a Dieta Mediterrânica e elaborou o Guia de Boas Práticas nas Cerimónias Oficiais.

Os prémios do presente ano vão ser entregues durante o jantar de aniversário e contemplam o chef Milton Anes, do Restaurante Lab, no prémio Arte da Cozinha, Rudolfo Tristão, do Restaurante Belcanto, no prémio Arte de Sala, António Barreto, pelo livro “Douro. Rio, Gente e Vinho”, com o prémio Literatura Gastronómica e o Prémio Maria de Lurdes Modesto para Gastronomia Tradicional será entregue ao Restaurante Vallecula.

No decorrer da cerimónia serão ainda homenageados como Sócios Honorários Marcelo Rebelo de Sousa, António Costa, Rafael Anson e Maria de Lurdes Modesto. O chef José Avillez será galardoado com a Medalha de Ouro da Academia, e será também entregue o diploma de sócio Colectivo de Mérito ao Casino da Póvoa do Varzim, na pessoa do seu presidente, Dionísio Vinagre.

A Academia está a desenvolver, em conjunto com a Real Academia Espanhola de Gastronomia e em estreita colaboração com o Governo, o projecto do sedear o Observatório Europeu de Gastronomia em Lisboa. Encontra-se também em curso uma parceria com o ISCTE-IUL, no âmbito da criação de uma Escola Superior destinada ao estudo do gosto e da gastronomia. Também no aspecto do turismo gastronómico, desenvolve variados projectos, nomeadamente através das suas ligações às Academias Internacional, Ibero-americana e Mediterrânica.