Açores apostam no turismo termal e de bem-estar

A região dos Açores pretende afirmar-se como destino turístico termal e de bem-estar, e as termas do Carapacho podem potenciar este desígnio, de acordo com a secretária Regional da Energia, Ambiente e Turismo.

Marta Guerreiro falava na cerimónia de assinatura de um protocolo entre o Governo Regional e o Instituto Português de Reumatologia, no âmbito da visita à ilha Graciosa.

“Este protocolo preconiza dois propósitos: servir os açorianos que necessitam destes tratamentos e, simultaneamente, reforçar a oferta turística na Região com um produto específico e de qualidade ligado à saúde e ao bem-estar”, frisou.

A governante regional referiu ainda que, desde 2015, cerca de 12 mil pessoas usufruíram desta estrutura, salientando que o “número de visitantes no primeiro trimestre deste ano registou um aumento homólogo de cerca de 42%, o que demonstra que esta unidade continua a constituir-se como um pólo de atracção turística para a ilha”.