Açores com aumentos ?consideráveis? no turismo subaquático

O turismo subaquático está a crescer em todas as ilhas açorianas, registando aumentos ?consideráveis? principalmente devido ao fluxo de turistas estrangeiros, segundo José Toste, da Associação Regional de Turismo dos Açores (ART). ?De momento, ainda não há números oficiais que confirmem este registo, mas há o contacto com as empresas e centros de mergulho que nos revelam que, de ano para ano, tem vindo a crescer o sector, obviamente numas ilhas mais do que outras?, afirmou o responsável à Lusa. Com a crescente importância deste segmento, a ART vai voltar a promover mais uma edição da Bienal de Turismo Subaquático dos Açores, este ano a decorrer entre 24 e 27 de Outubro, na ilha Graciosa, com a presença de vários especialistas internacionais, nacionais e açorianos. Segundo José Toste, o objectivo é promover o encontro de vários agentes do sector para ?debater as principais preocupações? e ?estratégias de acção?, visando tornar o mergulho num produto com ?interesse turístico? e dos principais dos Açores. ?A primeira bienal teve origem numa associação local, a Agraprome – Associação Graciosense de Promoção de Eventos, que teve como objectivo contribuir para a afirmação da ilha Graciosa como uma das principais ilhas para o mergulho nos Açores, dadas as condições que apresenta?, explicou. Na próxima edição vão estar em debate vários temas relacionados com o turismo subaquático, como o empreendedorismo e qualidade associados ao mergulho, o mergulho como actividade sustentável e ambiente, saúde e segurança no mergulho, além de aspectos técnicos relacionados com esta actividade. I.M.