Turismo dos Açores cria entidade para coordenar sustentabilidade do destino

Sob a dependência desta Secretaria Regional da Energia, Ambiente e Turismo, o governo dos Açores acaba de criar a Entidade Coordenadora da Sustentabilidade do destino turístico, sendo mais um passo necessário no processo de certificação, anunciou Marta Guerreiro.

A nova entidade conta com a colaboração de esforços transversal a todo o Governo, aos municípios, às empresas, associações e até à população em geral, tal como recomendado pela GSTC e Earthcheck, disse a governante regional, que falava, em Ponta Delgada, na sessão de apresentação da BCSD: A Sustentabilidade das Empresas e da Região: oportunidades para o Século XXI”.

“A certificação permitirá um reforço do posicionamento estratégico internacional e da notoriedade do destino turístico Açores, alinhando-o com uma crescente consciência internacional dos consumidores, já bem visível nas novas gerações e na sua capacidade de influência sobre as demais”, destacou, para acrescentar que “a decisão de certificar o destino representa um compromisso de todos os açorianos para com o futuro, um futuro onde queremos ser mais resilientes e onde queremos estar na vanguarda de um desenvolvimento turístico responsável, com salvaguarda pela melhoria das condições de vida da nossa população, em respeito pelo nosso principal activo” turístico: a nossa natureza preservada, com valorização das nossas raízes identitárias culturais e também com a valorização da nossa produção regional”.

O início do processo de certificação de sustentabilidade do destino Açores decorreu em Dezembro do ano passado, enquanto um compromisso do Governo, à margem da conferência internacional “Açores 2017: no rumo do turismo sustentável”.