Açores criam novas rotas turísticas

Nos Açores estão a ser desenvolvidos trabalhos que visam implementar novas rotas turísticas, conforme anunciou a secretária Regional da Energia, Ambiente e Turismo, Marta Guerreiro.

Durante este ano ainda serão criadas as rotas da Baleia e do Vinho, seguindo-se, em 2019, as Rotas do Espírito Santo, dos Vulcões e do Património da UNESCO. A governante regional garante que esta iniciativa “espelha o empenho do executivo em potenciar o património cultural dos Açores”.

Marta Guerreiro falava, em Angra do Heroísmo, na sessão de encerramento do 2º Seminário Anual do Projecto Interreg MAC CITY 2020 sobre Turismo Cultural nas Cidades Património Mundial, incluindo não só a cidade de Angra do Heroísmo, bem como a cidade de Ribeira Grande de Santiago (Cabo Verde), San Cristóbal de La Laguna (Canárias), Saint-Louis e Île de Gorée (ambas do Senegal).

A secretária Regional da Energia, Ambiente e Turismo defendeu que as cinco cidades de Património da Humanidade da Macaronésia devem apostar na “promoção e divulgação mais profunda” desta rede Euro-Africana, com “particularidades que a tornam tão autêntica”.

A governante reforçou a importância do seminário por permitir a “partilha e a discussão de informação sobre um futuro que se pretende sempre, e cada vez mais, baseado num desenvolvimento sustentável”, destacando que, neste caso em concreto, o mesmo se debruça sobre cidades de património mundial da UNESCO, numa data em que se celebra o ano do património cultural.