Aeroporto de Barajas sofre com quebra da Ibéria

De acordo com dados publicados pela Eurocontrol ? Agência de Controlo de Tráfego Aéreo Europeu, Barajas é o aeroporto europeu que tem perdido mais tráfego nos últimos anos, o mesmo acontecendo com a Iberia, principal companhia aérea a operar naquele aeroporto. Os dados da Eurocontrol mostram que as quebras de tráfego que têm sido registadas pela Iberia, companhia que desde 2010 (antes da fusão com a British Airways) já perdeu mais de 45% do seu tráfego, têm puxado para baixo os resultados do Aeroporto de Barajas que, no mesmo período, leva já perdas de 22% – uma redução que fez Barajas descer da quarta para a sétima posição no ranking dos aeroportos europeus. As quebras no tráfego do aeroporto madrileno continuam este ano, não apenas por ?culpa? da Iberia mas também devido a uma menor presença das companhias low cost. Nos primeiros sete meses deste ano, o tráfego das low cost em Barajas reduziu-se em 18,8% face ao mesmo período do ano passado. M.F.