Aeroporto Humberto Delgado mais funcional

Fruto de um investimento de 30 milhões de euros, o Aeroporto Humberto Delgado, em Lisboa, aumentou a sua capacidade operacional e concluiu a expansão e optimização da área comercial.

_S152776aAeroporto Lisboa_Food CourtAeroporto Lisboa_áreas comerciais

Em termos operacionais, os investimentos permitem incrementar a capacidade de processamento de passageiros. Nasceu uma nova área de controlo e rastreio de segurança, com dez novos equipamentos de inspecção por Raios X, que faz subir a capacidade da operação para três mil passageiros/hora no Terminal 1, e eleva as condições de qualidade de serviço. Em paralelo, existem agora mais nove leitores de validação de cartões de embarque, e foi aberta uma nova zona de check-in, com o aumento imediato de mais dez balcões, que serão acrescidos de outras seis unidades, em Novembro.

No Terminal 2 a sala de embarque foi reorganizada, com zonas de circulação e de estada mais amplas.

Já no acesso ao terminal de passageiros foi reordenado espaço e introduzida a solução Kiss & Fly (estacionamento gratuito para os primeiros 10 minutos).

Na área comercial há inúmeras mudanças, com a loja Duty Free Store a nascer da interpretação da cidade de Lisboa, desde a calçada portuguesa aos azulejos. Agora com mais 450 m2, esta loja expandiu a oferta e conta com o inovador conceito de walkthrough que permite uma ambiência comercial distinta, sendo o primeiro ponto de contacto dos passageiros com a área comercial, localizada na zona restrita do aeroporto.

Tanto no Duty Free como nas restantes áreas comerciais, foram introduzidas diversas marcas premium, o que aconteceu também com a oferta comercial localizada na área Não Schengen.

Com 1.555 m2 e localizada numa única área central, a área da restauração conta com novos conceitos e novas marcas.