AHETA apoia criação de rede de suporte básico de vida nas unidades do Algarve

Estabelecer acções de cooperação no domínio do turismo de saúde, através da criação de uma rede de suporte básico de vida, com a implementação de Desfibrilhação Automática Externa nas unidades hoteleiras e empreendimentos turísticos do Algarve, é o objectivo de um protocolo que a AHETA acaba de celebrar com a Administração Regional de Saúde e o Centro Académico de Investigação e Formação Biomédica do Algarve.

As entidades signatárias acordaram também, no âmbito do Projecto Algarve Coração Seguro, colaborar em conjunto no planeamento e execução de outros projectos, nomeadamente no que se refere à introdução de acções de formação contínua em suporte básico de vida com utilização de Desfibrilhador Automático Externo.

A celebração deste acordo resulta da recém criação do Centro Académico de Investigação e Formação Biomédica do Algarve, um consórcio constituído pelo Centro Hospitalar do Algarve e o Departamento de Ciências Biomédicas e de Medicina da Universidade do Algarve, tendo em vista desenvolver cuidados integrados de saúde pública, assim como das pretensões da AHETA em ver melhoradas as medidas e acções relacionadas com a segurança e a saúde daqueles que visitam a região.