Airbnb mais próxima do Turismo

A Airbnb acaba de lançar um escritório de Turismo Saudável, iniciativa para ajudar a impulsionar o turismo local, autêntico e sustentável em países e em cidades de todo o mundo, ao mesmo tempo que anuncia a criação do primeiro Conselho Consultivo de Turismo, composto por especialistas em turismo global.

Aproveitando este trabalho através de parcerias, programas e eventos, com o escritório de Turismo Saudável a Airbnb vai expandir os seus esforços para capacitar economicamente as comunidades, direccionar as viagens para lugares menos conhecidos e apoiar hábitos de viagem ecológicos.

Por sua vez, o novo Conselho Consultivo do Turismo, ajudará a moldar a visão e as actividades de longo-prazo da empresa, de modo a garantir que a Airbnb continua a ser uma solução para o excesso de turismo causado pela massificação das viagens.

Esta é uma questão particularmente importante porque a indústria do turismo continua a crescer. De acordo com o World Travel & Tourism Council (WTTC), o setor de viagens é atualmente responsável por 313 milhões de postos de trabalho e por gerar 10% do PIB mundial.

O Conselho Consultivo de Turismo é composto por líderes e especialistas em políticas de turismo a nível global, que durante os seus anos de trabalho no sector têm definido muitos dos motes para as discussões sobre os temas mais importantes da indústria, tais como Taleb Rifai, ex-Secretário geral da Organização Mundial de Turismo (OMT), ou David Scowsill, ex-CEO do World Travel & Tourism Council (WTTC).

No dia em que a Airbnb faz este anúncios, revela igualmente dados sobre a sua presença em Portugal, destacando que o anfitrião típico ganhou 4.096 euros alugando seu alojamento durante 44 noites por ano a cidadãos de mais de 150 países, e que o país acolheu mais de 2,6 milhões de visitantes no ano passado e 455 mil pessoas viajaram de Portugal para outros destinos, criando ligações físicas através de diferentes fronteiras e culturas.