APHORT quer melhorar relações laborais no turismo

A APHORT – Associação Portuguesa de Hotelaria, Restauração e Turismo pretende criar uma plataforma de cooperação que permita a obtenção de respostas mais rápidas e eficazes no que diz respeito a questões relacionadas com relações laborais. Neste quadro, acaba de assinar um protocolo com a ACT – Autoridade para as Condições de Trabalho e com a CTP – Confederação do Turismo Português.

Dirigida a empresários, investidores e trabalhadores da área da hotelaria, restauração e turismo, esta parceria pretende contribuir para melhorar as condições laborais do sector, promover a segurança e saúde no trabalho, estimular o diálogo social e diminuir os conflitos laborais.

Para isso, as três entidades envolvidas comprometem-se a cooperar através da troca de informação jurídica, a realizar acções de informação e de divulgação de normas e boas práticas, bem como a promoção de uma comunicação mais facilitada entre os serviços desconcentrados da ACT e os empresários.

Actualmente integram este protocolo os serviços de 11 unidades locais das regiões Norte e Centro, designadamente, Aveiro, Braga, Bragança, Guimarães, Lamego, Penafiel, Porto, São João da Madeira, Viana do Castelo, Vila Nova de Famalicão e Vila Real.
A criação deste protocolo insere-se no âmbito do programa da  “Comece hoje a construir o futuro do seu negócio”, iniciativa que tem como objectivo revitalizar o movimento associativo empresarial, potenciando uma relação de maior proximidade e confiança entre os empresários do sector e a associação que os representa e a criação das melhores condições para dar resposta aos problemas e dúvidas do sector, de forma a que as empresas possam exercer a sua actividade dentro do quadro legal e regulamentar.