ATLA e Reguengos de Monsaraz aderem à rede europeia de lagos

Reguengos de Monsaraz e a ATLA – Associação Transfronteiriça de Municípios Lago Alqueva aderiram à NEUlakes – Network of European Lakes, uma rede que desenvolve e promove os lagos europeus nas áreas social, cultural, ambiental e económica.

A adesão à rede decorreu no dia 2 de Junho, numa cerimónia em Iseo, Itália, que contou com a presença de José Calixto, presidente da Câmara Municipal de Reguengos de Monsaraz e da ATLA. A rede integra também Aiguebelette-le-Lac (França), Héviz (Hungria), Candia Canavese (Itália), Lindau (Alemanha), Sankt Gilgen (Áustria), Subotica (Sérvia), Ascona (Suíça), Manzanares el Real (Espanha), Carrick on Shannon (Irlanda), Ohrid (Macedónia), Bled (Eslovénia), Coniston (Inglaterra), Tamsweg (Áustria) e Iseo (Itália).

A 15 de Maio, Reguengos de Monsaraz recebeu uma delegação da NEUlakes, liderada pelo seu presidente Riccardo Venchiarutti, em que José Calixto manifestou a intenção de integração e de candidatar projectos aos fundos comunitários de desenvolvimento regional transfronteiriço através desta rede para os 13 municípios abrangidos pelo maior lago artificial da Europa, o Grande Lago Alqueva, em concreto Alandroal, Barrancos, Moura, Mourão, Portel, Reguengos de Monsaraz, Serpa, Viana do Alentejo, Alconchel, Cheles, Olivença e Villanueva del Fresno.

A NEUlakes pretende também estabelecer a cooperação entre os municípios de vários países europeus para a valorização dos lagos, em locais que tenham semelhantes características ambientais, sociais e económicas, desenvolvendo sinergias para aumentarem o conhecimento e a eficácia de iniciativas de desenvolvimento local.