BTL’14 quer contribuir para consolidar resultados de 2013

O presidente da comissão organizadora da BTL, Vítor Neto, avançou ontem que a BTL’14 – Feira Internacional de Turismo, que decorre entre 12 e 16 de Março, vai contar com a participação de 1.000 empresas e espera ultrapassar os 65 mil visitantes, de forma a contribuir para consolidar os resultados turísticos de 2013. “Este ano, o nosso objectivo é contribuir para consolidar o belo ano de 2013 no turismo, gerar ainda mais confiança e mobilizar os portugueses para o turismo”, afirmou o responsável, durante a apresentação do certame, considerando que, neste momento, a feira “tem a responsabilidade de ajudar a potenciar estes resultados”. Para que o objectivo seja cumprido, Vítor Neto espera uma BTL positiva e, por enquanto, os números permitem boas expectativas, estando já confirmada a participação de mais de 1.000 empresas expositoras, das quais 100 vão estar, pela primeira vez, no certame, além de 2.500 profissionais e 400 hosted buyers de 22 países, enquanto o número de visitantes deverá ultrapassar os 65 mil. “A BTL quer ser, mais uma vez, uma montra para promover uma plataforma de vendas e uma plataforma de promoção da nossa oferta turística”, afirmou Vítor Neto, considerando que para o total sucesso da feira é necessário “reconquistar a presença massiva dos portugueses” e “trazer os jovens à BTL”. Para atrair o público, a BTL vai voltar a contar com preços especiais em reservas antecipadas, além de várias actividades de animação, entre outras iniciativas, a exemplo dos BTL Blogger Travel Awards, prémios que vão distinguir os melhores blogues de viagens em língua portuguesa. Em destaque na próxima edição do certame vão estar também as start-ups da área do turismo, que este ano podem contar com um espaço específico e condições especiais de participação, com Fátima Vila Maior, responsável pela BTL, a revelar a participação de 30 destas empresas. “Este ano, pela primeira vez, temos um espaço em que vamos concentrar as start-ups do turismo. Fizemos um convite a várias start-ups exactamente porque elas são importantes e fundamentais na construção do produto turístico. Vão estar na BTL cerca de 30 start-ups, não só serviços mas num conjunto de actividades que dão apoio ao turismo nesta constelação de turismo de que se fala”, afirmou a responsável. A nível de destinos internacionais, a BTL’14 vai contar com a presença de 30 destinos, alguns dos quais em estreia, sendo o estado brasileiro do Amazonas o destino internacional convidado, enquanto os Açores são o destino nacional convidado. I.M.