“Casas Açorianas” perspectiva o futuro

A Associação de Turismo em Espaço Rural “Casas Açorianas” reuniu em Assembleia-Geral ordinária, para análise da actividade, prestação de contas e perspectivar o futuro face aos novos desafios que se colocam a este segmento do turismo nos Açores.
De acordo com o comunicado e no que diz respeito à actividade recente das “Casas Açorianas”, esta reconheceu, apesar de constrangimentos de financiamento, que conseguiu marcar uma presença promocional com eficácia, mantendo o equilíbrio das contas da Associação.
Nesta assembleia-geral foi deliberado que é essencial a manutenção da credibilidade e afirmação do turismo rural na região, através de uma aposta continuada na qualidade e originalidade do produto, e mantendo o processo de classificação que a Associação adoptou, através de uma avaliação independente e aleatória.
Relativamente ao futuro foi reconhecida a necessidade da Associação continuar a ter apoio oficial que garanta o esforço promocional, não só do turismo rural açoriano, mas também do destino Açores.
Foi ainda debatida a questão da abertura do espaço aéreo para as ilhas de São Miguel e Terceira. A associação questiona como é que as restantes ilhas poderiam beneficiar deste cenário, admitindo que 2015 será um ano de ajustamento à nova realidade.