Centro do Mindelo vai ter novo hotel

O antigo Consulado Inglês, que faz parte de um grupo de edifícios testemunhas da presença britânica na cidade do Mindelo, vai ser transformado em hotel.  

A empresa construtora caboverdiana que ficou com a concessão do imóvel dispõe, a partir de agora, de três anos para pôr de pé o hotel, preservando a traça original do antigo edifício.

Localizado junto da Avenida Marginal, num lote de terreno com forma rectangular, ocupando uma área de 1.230 metros quadrados, numa zona privilegiada da cidade, com vista principal para a Baía do Mindelo, a nova unidade terá 31 quartos, uma piscina, dois restaurantes (um dos quais aberto ao público), e uma esplanada, também ela de acesso livre.

Segundo os seus promotores, citados pela imprensa caboverdiada, arrancam dentro de três meses as obras que vão transformar esta casa histórica num hotel. A nova unidade vai conciliar a beleza singela do edifício colonial com a racionalidade do moderno. Da conjugação desses factores surgem dois conjuntos, com estilos marcadamente opostos mas que, graças à simplicidade e despretensão decorativa das suas formas, estão harmonizados, lê-se na memória descritiva.

Conforme a memória descritiva do projecto, o primeiro edifício oferecerá uma área comum com acesso a quatro suites, todas com varanda e vistas para a cidade. O segundo albergará a sala de chá no piso térreo, com comunicação para o jardim externo e três suites com vistas sobre a baía do Porto Grande. O terceiro edifício é semelhante ao segundo, mas possui menor altura e largura. Abriga no piso térreo os sanitários de uso geral, sala de funcionários e uma sala de reunião. No piso superior encontram-se duas suites também com vista para a baía.

No cômputo geral, os arranjos exteriores fazem com que o hotel tenha um enquadramento paisagístico global, tornando-o um lugar unificado, tranquilo e integrado.