CML e Airbnb vão promover o alojamento local mais responsável

Para facilitar o sistema de colecta da taxa turística aos operadores de alojamento local e promover uma actuação mais responsável e transparente do sector, a Airbnb acaba de assinar um acordo de cooperação com a CML. 

A partir de 1 de Maio, a plataforma começará a colectar e enviar, em nome dos operadores de turismo local (anfitriões) que estão nela inscritos, a taxa turística devida pelos visitantes. A verba será acrescentada ao total pago pelos visitantes em todas as estadias na cidade e remetida à autarquia trimestralmente. O novo processo é totalmente automático e integrado na plataforma Airbnb.

A Airbnb e a Câmara Municipal de Lisboa vão ainda trabalhar em conjunto para promover uma actuação mais responsável no alojamento local/home sharing, construindo uma comunidade aberta e transparente no sector e ajudando a promover o desenvolvimento sustentável do turismo em harmonia com outras áreas que ajudem a fazer de Lisboa um local melhor para viver, trabalhar e viajar.

De referir que a taxa turística de Lisboa foi implementada a 1 de Janeiro de 2016. A verba reunida reverterá para o Fundo de Desenvolvimento Turístico de Lisboa, de forma a promover o sector dentro de uma estratégia de crescimento sustentável da cidade.

 

(Visited 3 times, 1 visits today)