Cruzeiros contribuem com 37.900 ME para a economia europeia

Os dados foram revelados pela Associação Internacional de Cruzeiros para a área da Europa (CLIA Europa). Apesar da crise económica, os cruzeiros continuaram, em 2012, em rota de crescimento na Europa, tendo contribuído com 37.900 milhões de euros para a economia europeia. Trata-se de uma contribuição recorde que se compara com os 36.700 milhões gerados pela indústria de cruzeiros europeia em 2011. A CLIA sublinha igualmente que face a 2007, ano anterior ao início da crise económica na Europa, este indicador apresenta um aumento superior a 30%. Além disso, como confirmam os dados da CLIA, a Europa é também um dos principais destinos dos passageiros de cruzeiros de todo o mundo, sendo que o ano passado foram cerca de 5,7 milhões os passageiros que desembarcaram num porto europeu, o que representou um aumento de 2.5% face ao ano anterior. Mesmo assim a possibilidade de progressão é grande ao nível de passageiros de outros continentes já que dos 5,7 milhões que escalaram um porto europeu apenas 0,9 milhões eram procedentes de fora da Europa. M.F.