Embratur quer baixar preço da hotelaria brasileira no Mundial 2014

A Embratur ? Instituto Brasileiro do Turismo está a tentar negociar coma FIFA e com a hotelaria brasileira a descida dos preços para o Mundial de Futebol de 2014, informou ontem o organismo de turismo do país. ?O que importa para nós, do ponto de vista da promoção turística, é que o preço final ao consumidor teve um aumento significativo. Por isso, estamos em diálogo com o sector e com a FIFA para a redução das tarifas. E temos plena certeza de que isso ocorrerá?, diz a Embratur, em nota à imprensa. Para conhecer os preços praticados pela hotelaria para o Mundial de Futebol de 2014, a Embratur realizou um estudo em que analisou os 750 hotéis brasileiros registados pela FIFA, concluindo que as tarifas praticadas para o evento duplicaram face a um período normal, existindo mesmo casos em que o aumento é superior a 500%. O estudo da Embratur revelou que, nas 12 cidades que vão receber jogos da competição, o preço médio praticado pela hotelaria ronda os 189 euros por noite em Curitiba, enquanto na cidade do Rio de Janeiro a tarifa média é de 344,50 euros. I.M.