Estudantes do INP apresentam propostas de valorização turística do Douro

No âmbito da primeira edição do projecto “Tourism Innovation Journeys”, cerca de 40 estudantes e docentes do INP participaram numa viagem ao Douro, que teve como intuito apresentar às comunidades locais/sub-regionais da região uma quinzena de projectos de valorização turística.

Estes projectos foram desenvolvidos por grupos de trabalho compostos por estudantes do INP ao longo do ano letivo de 2016-17 tendo como destinatárias cinco marcas-destino duriense. A cada marca-destino foi dedicada uma sessão de apresentação de propostas, em locais emblemáticos pertencentes ao território de cada uma delas.

O projecto teve o seu primeiro momento público a 5 de dezembro de 2016, altura em que se organizou a conferência inaugural do “Tourism Innovation Journeys” no Auditório da Universidade Lusófona de Humanidades e Tecnologias. Nessa ocasião os estudantes puderam ouvir de cada uma das cinco o marcas-destino durienses alguns dos principais fatores que desafiam a sua competitividade turística. Desde essa altura até à data da viagem ao Douro, os estudantes têm vindo a desenvolver as suas propostas de valor, que deverão contribuir para a valorização da oferta turística da região do Douro.

Contudo, o ponto alto desta iniciativa do INP deu-se aquando da “Tourism Innovation Journey”, momento em que todos os grupos envolvidos tiveram a oportunidade de expor as suas propostas de valorização turística das marcas-destino que estudaram durante o ano letivo. As propostas serão posteriormente alvo da apreciação de cada marca-destino, que elegerá a melhor de todas. A decisão das entidades avaliadoras referentes aos melhores projetos de cada uma das marcas-destino visitadas será anunciada na sessão de encerramento da 1.ª edição do “Tourism Innovation Journeys”, que terá lugar esta sexta-feira, pelas 15h30 no Fórum Lisboa, ocasião em que será também anunciada a proposta vencedora absoluta do concurso de ideias.