Évora Hotel comemorou “bodas de prata”

O Évora Hotel completou, em Fevereiro, 25 anos de operação, uma data que foi assinalada e festejada com diversos eventos que se prolongaram pelo mês.

A inauguração da exposição “Abre as Asas e Voa” de Maria Leal da Costa, marcou o início das festividades, dando o mote para os eventos que se seguiram e que pretenderam retratar a verdadeira “Alma Alentejana”.

Nos dois primeiros fins-de-semana de Fevereiro, o hotel realizou mostras do melhor que há no Alentejo, tanto ao nível dos produtos como de experiências. Os bonecos de Estremoz, as mantas de Reguengos de Monsaraz, as empadas da Casa Maria Vitória, os Queijos da Queijaria Cachopas, o presunto da Fundação Eugénio de Almeida e ainda os vinhos do Alentejo, animaram 20 barraquinhas que estiveram abertas ao público. Aos jantares de sábado e almoços de domingo, houve também showcookings das especialidades Évora Hotel (Bacalhau Dourado, Cação à Ribeirinha, Encharcada e Pão de Rala) no seu restaurante regional Sol Poente.

Os festejos culminaram a 17 de Fevereiro, dia em que o Évora Hotel completava 25 anos, com um lanche alentejano para a qual o hotel convidou parceiros, principais clientes e amigos.

“25 Anos é uma responsabilidade que o Évora Hotel assume com muito orgulho. São 25 anos ao serviço do Alentejo, e em simultâneo são anos de experiência, um desafio todos os dias; mas sobretudo um trabalho que é abraçado com muito prazer. Este tem sido o espírito daqueles que fazem parte desta equipa, uma equipa de diferentes gerações, todos alentejanos, e por isso com conhecimento das tradições locais, de lugares únicos e genuínos” lê-se numa nota enviada à imprensa.

Na mesma nota pode também ler-se que “para 2017, o Évora Hotel pretende manter a aposta na melhoria contínua da criatividade e sustentabilidade do projecto, mantendo o foco em proporcionar melhor qualidade de vida, bem-estar e boas sensações a todos aqueles que o visitam”.