Execução do Programa Capitalizar com taxa de 77%

O Programa Capitalizar já apresenta uma taxa de execução de 77%, com 51 medidas implementadas ou em curso, face a universo total de 66 medidas propostas pela Estrutura de Missão para a Capitalização das Empresas (EMCE).

Refira-se que este governo assumiu como prioridade a redução do elevado nível de endividamento das empresas e a melhoria de condições para o investimento, nomeadamente através da redução dos constrangimentos no acesso ao financiamento.

A Estrutura de Missão para a Capitalização das Empresas foi criada logo no início de funções do Governo e o trabalho de análise à realidade empresarial nacional que efectuou resultou num conjunto de propostas de medidas de apoio à capitalização de empresas, enquadradas em cinco eixos estratégicos de intervenção, que passam designadamente por simplificação administrativa e enquadramento sistémico, fiscalidade, reestruturação empresarial, alavancagem de financiamento e investimento, e dinamização do Mercado de Capitais.

Com base nestes eixos, o Governo aprovou em Agosto de 2016 o Programa Capitalizar, que visa promover estruturas financeiras mais equilibradas, reduzindo os passivos das empresas economicamente viáveis, bem como melhorar as condições de acesso ao financiamento das Micro e PME, com uma dotação financeira de 1.600 milhões de euros.