França quer chegar aos 100 milhões de turistas em 2020

O número de turistas em França deve chegar este ano aos 88/89 milhões, um aumento de 5 a 6% face a 2016, mas o objectivo do país é atingir os 100 milhões em 2020, considerado “razoável” por Frédéric Valletoux, presidente do Comité Regional de Turismo de Paris e Ile-de-France e presidente da Câmara Municipal de Fontainebleau.

De acordo com o dirigente, citado pela imprensa francesa, 2017 “é um ano excepcional quando comparado a 2016, o pior ano do sector de turismo, com uma reviravolta devido aos ataques que aconteceram no país e que mergulharam completamente no sector”, para acrescentar que “é mais do que uma recuperação, é quase uma superação do que foi 2014, o último ano da grande era do turismo. Depois de dois anos sombrios, devido, em particular, a uma onda de ataques em solo francês em 2015-2016, a França este ano bateu todos os recordes de entradas de turistas”, realçou.

Uma recuperação particularmente forte está a ser registada em Paris e Ile-de-France, com um crescimento de 14% num só ano relativamente à entrada de turistas.”Paris e a Ile-de-France representam cerca de metade de todas as visitas turísticas, consideradas, por isso, a locomotiva, a jóia da coroa, a porta de entrada para o resto do país”, disse Frederic Valletoux.

Assim, de acordo com o especialista, “o objectivo do governo de alcançar 100 milhões de turistas até 2020, é viável, se não houver reviravolta, e se 2017 anunciar um 2018 e um 2019 igualmente positivos”.