Freeport inaugurou ontem o maior centro de congressos da Península Ibérica

O Freeport inaugurou ontem o maior centro de congressos da Península Ibérica, um espaço que conta com uma área total de 12.500 metros quadrados e mais de 20 salas e auditórios com capacidade até 800 pessoas, localizado onde anteriormente funcionou o complexo de cinemas do Freeport. “O novo Centro de Congressos constitui-se como uma nova área de negóciosdo maior outlet da Europa, que irá complementar a nossa principal atividade, que é o retalho. Identificámos uma oportunidade para contribuir para o turismo de negócios em Portugal,uma necessidade apontada pelo Plano Estratégico Nacional de Turismo, e reunimos os melhores parceiros para criar o maior e mais completo centro de congressos em Portugal”, refere Nuno Oliveira, director-geral do Freeport. O novo Centro de Congressos Freeport resulta de um investimento de três milhões de euros, dos quais 300 mil euros foram aplicados na requalificação e adaptação do espaço às novas funções, tendo a imagem do edifício sido completamente mantida, tal como a estrutura interior. “As intervenções efectuadas e a instalação de novos equipamentos permitiram a criação de espaços multifacetados para uma utilização flexível que, para além de congressos, seminários e conferências prevê ainda a realização de espectáculos, concertos, exposições, feiras e eventos de carácter social e corporativo”, explica o Freeport em comunicado. O Centro de Congressos Freeport dispõe de 21 auditórios dos 95 aos 800 lugares de capacidade, um foyer com duas zonas de recepção distintas, uma sala multiusos de 2.000 m2, uma sala de exposições de 500 m2 e diversas zonas de apoio, assim como um estacionamento interior e exterior com capacidade para 2.475 lugares, estando o auditório 1 equipado com um dos maiores ecrãs do país, com uma área de projecção 250 metros quadrados. O novo centro conta ainda com uma localização privilegiada e goza de excelentes acessibilidades, estando a apenas cinco minutos da Ponte Vasco da Gama e a 20 minutos do Parque das Nações e do Aeroporto de Lisboa, estando inserido numa grande superfície comercial, com mais de 140 lojas e uma oferta que inclui as mais prestigiadas marcas internacionais. I.M.