Gasto médio dos turistas no Porto e Norte quase duplica no 1.º trimestre

No primeiro trimestre do ano, o gasto médio dos turistas que visitaram a região do Porto e Norte de Portugal quase duplicou face a igual período do ano passado, passando de uma quantia de 283 euros por turista para um valor médio a rondar os 520 euros. Segundo o IPDT, cada turista gastou em média 75 euros por uma noite de alojamento na região, o que representa um aumento de 20 euros face a período homólogo e que traduz o “aumento do tempo de estada média dos turistas em lazer” e o “acréscimo do consumo dos visitantes que pernoitam na zona do Grande Porto”. Já relativamente aos turistas em negócios, segundo refere o IPDT em comunicado, “observaram-se tempos de permanência semelhantes aos obtidos no primeiro trimestre de 2013”. O estudo do IPDT demonstra que 36,9% dos turistas visitaram o Porto e Norte de Portugal por motivo de férias, 33,7% para ver familiares e amigos e 21,3% a negócios, sendo que os que se deslocam em férias, “fazem-no para descansar/relaxar e para visitar a região, destacando a beleza natural ou a localização como principais atributos para a escolha”. O IPDT apurou que, dos turistas que visitaram a região em férias, 89,7% não ponderaram outros destinos quando decidiram fazer as suas férias no Porto e Norte, sendo que a pequena percentagem que ponderou outros destinos indica Espanha e Itália como as opções equacionadas, tendo optado por Portugal “devido aos preços e à curiosidade”. O IPDT refere ainda que, comparativamente ao trimestre homólogo, registou-se “um aumento no segmento de visitantes em turismo e a redução dos turistas em negócios”. Quanto a mercados, o IPDT destaca, à semelhança dos trimestres anteriores, França e a Espanha como os principais mercados estrangeiros emissores de turistas para a região, com a Ryanair e a TAP a surgirem como as companhias aéreas mais utilizadas, representando, em conjunto, uma quota de mercado de cerca de 70% do volume total. O estudo do IPDT apurou também que os turistas que se deslocam em negócios concentraram-se maioritariamente em hotéis no Grande Porto, enquanto os turistas em visita a familiares/amigos ficam alojados em locais fora dessa área. O turista que visita o Porto e Norte de Portugal é, ainda que com uma pequena predominância, do sexo feminino, com idades compreendidas entre os 26 e os 50 anos, 44% dos quais são casados, situando-se o nível de rendimentos entre os dois e os quatro mil euros, o que, diz o IPDT, comparado com o período homólogo, “demonstra um aumento do rendimento dos turistas que, neste primeiro trimestre, visitaram o PNP”. I.M.

(Visited 1 times, 1 visits today)