Grupo SATA com resultados positivos em 2012

No ano passado, o Grupo SATA obteve um resultado líquido consolidado de 73 mil euros, montante que traduz os resultados positivos obtidos pelas empresas do grupo, incluindo os resultados operacionais e o EBITDA. Em comunicado, o Grupo SATA revela que todas as empresas obtiveram resultados positivos, com destaque para as companhias aéreas SATA Air Açores e SATA Internacional que registaram um resultado líquido de 11 e 12 mil euros, respectivamente. Para os resultados positivos contribuiu ?a redução continuada dos custos unitários?, apesar do aumento de algumas componentes dos custos, como os encargos financeiros e com o combustível, o que resulta de ?uma estratégia transversal implementada em todo o Grupo SATA, que permitiu que, em 2012, a SATA Air Açores e a SATA Internacional tivessem apresentado os custos unitários (por lugar quilómetro voado, excluindo o custo do combustível) mais baixos dos últimos anos?. Já os resultados operacionais das companhias aéreas apresentaram melhorias, passando, no caso da SATA Air Açores, dos 3,153 milhões de euros para 5,246 milhões de euros, enquanto a SATA Internacional subiu os seus resultados operacionais de 438 mil euros para 1,916 milhões de euros. E também o EBITDA (lucro antes de juros, impostos e amortizações) apresenta crescimentos em ambas as companhias, com a SATA Air Açores a passar de ganhos de 13,263 milhões de euros para 13,725 milhões, o que representa um aumento de 3% face a 2011, enquanto a SATA Internacional viu os seus ganhos crescerem 25%, passando de 2,871 milhões de euros para 3,582 milhões de euros. ?No entanto, o expressivo aumento dos custos financeiros ? e consequente forte deterioração dos resultados financeiros ?, fruto, por um lado, do acentuado agravamento das condições de financiamento implementado por toda a banca e, por outro, pelo aumento das necessidades de crédito de tesouraria, impediu que os resultados líquidos aumentassem de modo comensurável com a melhoria dos resultados operacionais?, justifica o Grupo SATA. Já a actividade operacional do grupo desceu 5% no número de voos realizados, o que representa menos 1.075 voos que em 2011, enquanto o número de passageiros desceu 8,6%, com menos 116.222 passageiros que em 2011. I.M.