Grupo TAP quer especializar Portugália Airlines no mercado de charters

O Grupo TAP anunciou esta quinta-feira que quer ampliar e melhorar a oferta no mercado de charters através da especialização da Portugália Airlines, que integra o Grupo, nesta área de negócio.

“A Portugália opera já todos os seus voos para a TAP, passando agora a disponibilizar todo o seu know-how nesta área de fretamento ao mercado em geral”, explica a TAP em nota à imprensa. Não obstante, frisa a mesma nota, a TAP irá continuar a analisar “todas as oportunidades de fretamento de aviões da sua frota”, com as duas companhias do grupo a fornecerem “serviços de fretamento para vários destinos na Europa e no mundo”.

A Portugália Airlines, que desde 2007 é detida a 100% pelo Grupo TAP, teve a sua frota renovada em 2016, operando actualmente com 13 aviões, sendo 9  Embraer 190, com capacidade para 106 lugares,  e 4 Embraer 195,com capacidade para 118 lugares.

No mercado charter, “o Grupo TAP entrega ao cliente o avião pronto a voar, cobrindo todos os custos relativos à operação dos voos, i.e. avião, tripulação, manutenção, seguro, combustível, ground handling de passageiros, carga e correio (custos de carregamento e descarregamento), autorizações de sobrevoo, autorizações de aterragem, catering e todos os outros custos operacionais, incluindo o seguro para o avião”, explica o comunicado.

A empresa faz ainda notar que o Grupo TAP “providencia  serviços charter, para séries de voos e voos Ad-Hoc, chegando a vários segmentos, em séries de voos, na programação de Operadores turísticos (lançamento de novos destinos , diversificação  da oferta turística ou reforço dos que têm maior procura e, em voos Ad-Hoc, na área de Incentivos, Viagens de negócios, Eventos, Feiras, Desporto (deslocações para desportistas, clubes ), grupos privados, etc.”.

No mesmo comunicado, o Grupo TAP garante ainda que a “flexibilidade de gestão” da sua frota “permite viabilizar  voos charter diretos à partida de Lisboa, Porto, Faro, Funchal , Terceira e até Ponta Delgada para o destino pedido pelos clientes”.

Os voos operados pelas companhias do grupo TAP “têm acesso ao Web check-in, com abertura a 36 horas da partida, emissão de cartão de embarque  e Seating e Reseating, sendo oferecidos, como serviços adicionais, dos voos charter, refeições diferenciadas (por exemplo em charters de empresas ou clubes de futebol) ou a customização  de interiores/dressing (por exemplo colocação de cabeceiras, almofadas e/ou mantas personalizadas)”, lê-se ainda na mesma informação.