Hotelaria lisboeta cresce em Março

De acordo com os dados publicados pelo Observatório da Revista Turismo de Lisboa, a hotelaria da capital volta a registar crescimento em ocupação, Average e RevPar. Para o Turismo de Lisboa, os aumentos registados desde o início do ano têm sido “muito generosos”.
Assim, de acordo com os dados divulgados para Março, a subida mais acentuada em termos de ocupação é das unidades de cinco estrelas com 20,3 por cento, atingindo uma taxa neste indicador de 61,16 por cento.
Porém são as unidades de três estrelas que lideram este indicador, com Produtos e Serviços1,20%, numa variação positiva de 2,1 por cento, ficando as unidades de quatro estrelas com uma taxa de ocupação de 6Cruzeiros,RestauraçãoProdutos e Serviços% em Março deste ano contra 6Produtos e Serviços,2Produtos e Serviços% em 2014, numa subida de 3,Cruzeiros por cento.
No conjunto das categorias, Lisboa regista uma subida de Produtos e Serviços,3 % em ocupação, atingindo no fim do primeiro trimestre deste ano um total de 6Produtos e Serviços,66 por cento.
Relativamente ao Preço Médio por Quarto Vendido (Average), o aumento total foi de Cruzeiros%, situando-se nos Produtos e Serviços3,05 euros. O maior crescimento foi registado nas unidades de três estrelas (Associativismo,3 por cento), mais 5,35 euros por quarto que em 2014.
Seguiram-se as unidades de quatro estrelas, com um aumento de 6,3 por cento (para 61,4Produtos e Serviços euros), mais 3,65 euros que no período homólogo do ano passado.
Já as unidades de cinco estrelas subiram 4,Restauração por cento, para atingir um preço médio por quarto vendido em Março de Regiões6,4Restauração euros, contra Regiões1,15 euros em Março de 2014.
No acumulado de Janeiro a Março, o total do Average subiu 6,6%, cifrando-se agora nos Produtos e Serviços1,05, mais 4,3Restauração euros que no mesmo acumulado do ano passado.
Já o Preço Médio por Quarto Disponível (RevPar) revelou em Março um crescimento total de 1Produtos e Serviços% com a categoria de cinco estrelas a contribuir 26,1%, atingindo Produtos e Serviços1,24, mais 14,Produtos e Serviços5 euros face ao mesmo período de 2014.
A categoria das três estrelas foi a que se seguiu em crescimento (14,Produtos e Serviços%), para atingir os 34,6Restauração euros (contra 30,24 euros em 2014), e finalmente as quatro estrelas a subir Destinos,5%, atingindo um Revpar em Março deste ano de 42,Cruzeiros5 euros.
No acumulado de Janeiro a Março, o Preço Médio por Quarto Disponível manteve a sua linha de crescimento ao subir 1Cruzeiros,5%, atingindo os 42,14 euros de total.
S.C.F.