IATA: Tráfego aéreo mundial sobe 9,6% em Janeiro

O tráfego aéreo mundial cresceu 9,6% em Janeiro face ao mês homólogo do ano anterior, anunciou a IATA esta terça-feira, avançando ainda que no período em análise, a oferta das companhias aéreas subiu 8%.

Assim, como a procurou aumentou em ritmo mais elevado que a oferta, a taxa de ocupação também melhorou, tendo atingido os 80,2%, um crescimento de 1,2 p.p.

O director presidente e CEO da IATA, Alexandre de Juniac refere que o ano começou forte, “com a procura a atingir níveis nunca vistos desde 2011”, para acrescentar que este resultado deve-se “ao retomar do ciclo económico global e pelo regresso a um ambiente de maior normalidade, após os casos de terrorismo e instabilidade política verificados no início de 2016”.

Por regiões, a IATA indica que a maior subida da taxa de ocupação verificou-se na Ásia/Pacífico, tendo atingido os 81,5%, um aumento de 2,2 p.p., com a procura a subir 14,3% e a oferta a crescer 11,1%, enquanto na América do Norte a procura expandiu em Janeiro 3,4%, mas como a oferta cresceu 4,1%, o load factor dos aviões tiveram uma quebra de 0,5 p.p. Em termos absolutos, a maior taxa de ocupação no primeiro mês de 2017 foi conseguida pelas transportadoras aéreas da América Latina, com 83,2%, uma alta de 0,9 p.p. O inverso aconteceu no continente africano, com uma taxa de ocupação de 70,1%, mesmo assim uma subida de 0,9 p.p. face ao ano anterior.

No segmento internacional, a procura aumentou 9,3% com a oferta a crescer 7,5%. Com isso, o load factor subiu 1,3 p.p., para 80,3%, com todas as regiões do mundo a registarem aumentos ao nível da procura. Já ao nível do doméstico a procura por viagens aéreas avançou 9,9% enquanto a oferta subiu 8,7%, com a taxa de ocupação a chegar aos 80,1%, um desenvolvimento de 0,9 p.p. face a Janeiro de 2016. Neste caso apenas o Brasil caiu.