INE: Mercados emissores com resultados globais positivos

De acordo com os dados ontem publicados pelo INE, os principais mercados emissores de turistas para Portugal tiveram, em Março, um comportamento global positivo, sendo de sublinhar os casos do Brasil e de Espanha que voltaram a apresentar crescimento. Representando 72,7% das dormidas de não residentes, os 8 principais mercados emissores para Portugal apresentaram crescimentos homólogos em Março, à excepção do mercado italiano. O efeito Páscoa foi determinante para o expressivo crescimento do mercado espanhol que em Março foi apresentou um aumento de 69% no número de dormidas comparativamente ao mês homólogo do ano passado. Uma subida que se regista depois de sucessivos meses de retracção. A sublinhar também o regresso do mercado brasileiro ao crescimento, depois de, em Fevereiro ter apresentado resultados negativos. Representando 3,3% do total de dormidas dos não residentes, o Brasil foi responsável, em Março, por +21,% de dormidas face ao mesmo mês do ano passado. O mercado do Reino Unido, com um peso relativo de 20,1% no total de dormidas de não residentes, registou um aumento de 15,6% nas dormidas face ao período homólogo, enquanto o mercado alemão (19,0% das dormidas de não residentes) apresentou uma subida homóloga de 20,6%. Os mercados holandês e francês cresceram 7,6% e 9,2% face a Março de 2012, cabendo-lhes quotas de respectivamente 7,2% e 5,8%, enquanto o mercado irlandês manteve um nível de crescimento semelhante ao registado em Fevereiro (+32,0% de dormidas em Março, face a +30,7% em Fevereiro), muito embora represente apenas 1,8% das dormidas de não residentes. O único resultado negativo foi o do mercado italiano que registou em Março uma quebra de 3,7% no número de dormidas comparativamente ao mesmo mês do ano passado. M.F.

(Visited 2 times, 1 visits today)