INE: Proveitos na hotelaria nacional continuam em crescimento

Os proveitos totais da hotelaria atingiram, em Fevereiro, 152,7 milhões de euros e os de aposento 106 milhões de euros (+11,6% e +12%, respectivamente), de acordo com dados do INE publicados esta sexta-feira.

Embora desacelerando ligeiramente face a Janeiro (+12,1% e +13,6% respectivamente), manteve-se a tendência genérica dos últimos meses de aumentos superiores nos proveitos de aposento face ao conjunto de proveitos totais, continuando a crescer a um ritmo que praticamente duplica o do crescimento de visitantes. Face ao mesmo mês de 2015, regista-se um aumento de 33% no número de hóspedes e de 55% nos proveitos.

A região Centro é a que mais se destaca em termos de proveitos, tendo registado uma subida de 18,3% nos proveitos hoteleiros, seguida da Área Metropolitana de Lisboa e da Madeira.

Segundo o INE, em Fevereiro, o rendimento médio por quarto disponível (RevPar) foi 29,4 euros, o que se traduziu num aumento de 9,3% (+10,6% em Janeiro). Nas regiões de Lisboa e da Madeira este indicador ascendeu a 48,5 euros e 42,7 euros, respectivamente, sendo de destacar as subidas na área metropolitana de Lisboa com 13,1% e no Centro com 12,4%, numa evolução positiva em todas as tipologias.