Já não queremos só turistas também queremos captar investimento no turismo 

Num encontro com a imprensa portuguesa no stand de Portugal durante a Fitur, em que estiveram presentes a secretária de Estado do Turismo e o presidente do Turismo de Portugal, Ana Mendes Godinho anunciou a realização de um roadshow para captar investimento estrangeiro para o turismo.

Na prática, pode dizer-se que este roadshow teve o seu início em Espanha, já durante a FITUR, onde foram realizados encontros com empresários espanhóis que demonstraram “interesse em aprofundar alguns dossiers, em especial dos projectos do programa Revive” segundo deu a conhecer Ana Mendes Godinho. Outras acções estão já previstas para a China, Índia, Estados Unidos da América, Brasil e Cuba.

Esta operação vai ter a sua continuação já no próximo mês de Fevereiro, com China e Índia a serem os primeiros países a receberem roadshow onde, segundo a secretária de Estado do Turismo “vamos estar a mostrar as vantagens que temos para os investidores”. Saliente-se a propósito que Portugal foi recentemente distinguido como um dos melhores países para se investir no sector do turismo. Em Maio, a acção passará por Cuba, onde vai coincidir com a realização da FIT Cuba, Feira Internacional de Turismo.

Para apoiar este trabalho de captação de investimentos para o turismo, vai ser criada, provavelmente ainda durante o primeiro semestre deste ano, uma plataforma onde serão divulgadas as diferentes oportunidades de investimento.

Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal explicou que a acção de captação de investimento não se fica pelo programa Revive, afirmando que Portugal tem muitas valências no âmbito do turismo, muitas áreas de especialização “desde o software até ao mobiliário, o design, equipamentos operacionais que têm a ver com a hotelaria propriamente dita, que é uma forma interessante de promover o país e aumentar as exportações”.