Jet Airways reforça ligações à Europa

A companhia indiana Jet Airways, representada em Portugal pela ATR, acaba de reforçar as suas ligações à Europa com aumento da capacidade entre Mumbai e Amesterdão.

Nesta rota, a companhia passou a utilizar, desde 30 de Outubro, um Boeing 777-300 ER que se junta à frota de Airbus A330-200 que é também utilizada entre as duas cidades. O serviço nesta aeronave oferece oito suites, com 30 cadeiras Premiere que se convertem em camas totalmente reclináveis, e 308 cadeiras ergonómicas em Classe Económica.

Cada uma das oito suites tem uma cama de 81 polegadas, um monitor de tela plana de 23 polegadas e áreas de armazenamento cuidadosamente concebidas. As suites foram projectadas para permitir que duas pessoas fazem uma refeição confortável, com várias opções de iluminação LED, suporte lombar variável, um sistema de massagem de oito pontos, uma fonte de energia e ligação telefónica. Na classe económica, as cadeiras têm uma distância entre si de 32 polegadas e foram projectadas de forma ergonómica para aumentar os níveis de conforto. O sistema de entretenimento a bordo, Panasonic eX2, oferece mais de 1.500 horas de filmes de Hollywood e Bollywood, programas de televisão e música.

A Jet Airways iniciou ligações diárias entre Amesterdão e Mumbai em Março deste ano e é actualmente a única companhia aérea do mundo a fazer voos diários e directos entre as duas cidades. A companhia liga a Índia a 30 destinos em toda a Europa e 19 destinos nos Estados Unidos da América e Canadá, através das suas parcerias de code-share com a KLM Royal Dutch Airlines e Delta Air Lines

Gaurang Shetty, director-executivo da Jet Airways, afirma que “o comércio e o turismo entre a Europa e a Índia está a crescer a um ritmo significativo, aumentando a procura por viagens aéreas. Somos a única companhia aérea a operar voos diários non stop entre Amesterdão e Mumbai e também os primeiros a introduzir os serviços de primeira classe no nosso Boeing 77 nesta rota. Com esta decisão, a Jet Airways não aumenta só a sua capacidade de resposta, mas oferece aos passageiros uma experiência de luxo durante o voo”.