Lisboa: Hotelaria da cidade e região revelam cenários positivos em Novembro

Tanto na cidade como na região de Lisboa verificaram-se, durante o mês de Novembro, cenários positivos em todos os indicadores da hotelaria, de acordo com o Observatório do Turismo de Lisboa publicado esta quarta-feira.

Na cidade de Lisboa, a ocupação média por quarto conheceu uma progressão de 10,7%, que justifica pela maior procura de estabelecimentos de 3 estrelas (+16,2%). Na região, e em comparação com o período homólogo de 2016, a ocupação registou um aumento de 11,6% na procura, em termos médios, e à semelhança do observado na cidade de Lisboa, a progressão foi mais expressiva nas unidades hoteleiras de 3 estrelas, com uma subida de 13,7%.

No que diz respeito ao preço médio por quarto vendido (Average), Lisboa registou um acréscimo de 7,7% em relação ao mês homólogo de 2016, enquanto o preço médio por quarto disponível (RevPar) teve um crescimento de 19,2% atingindo os 76,93 euros. A subida mais relevante deste indicador verificou-se ao nível dos estabelecimentos de 4 estrelas, com 21,7% de aumento médio.

Quando se refere à Área Metropolitana de Lisboa, o Observatório indica que durante o mês de Novembro o Average teve uma subida de 8,4% quando comparado com o mesmo período de 2016, com os preços médios a oscilarem entre os 61,40 euros nas unidades de 3 estrelas e os 162,02 nos estabelecimentos de 5 estrelas. Relativamente ao RevPar, as subidas tiveram lugar em todas as categorias, mas com destaque para as unidades de 4 estrelas que conheceram um aumento de 22,5%. No conjunto das unidades hoteleiras da região de Lisboa, este item teve um aumento de 20,9%.

No acumulado também se confirmaram boas performances. Na cidade há mais 5,5% na ocupação média por quarto, mais 14% no preço médio de quarto vendido e mais 20,2% no preço médio por quarto disponível, enquanto nos 18 municípios da região a ocupação média por quarto subiu 5,7%, o Average aumentou 12,7% e o RevPar cresceu 19,1% face ao período em análise de 2016.