Lisboa já é uma das rotas da Emirates com mais sucesso na Europa

O country manager da Emirates para Portugal, David Quito, afirmou ontem que Lisboa já “é uma das rotas com mais sucesso na Europa” e faz um balanço muito positivo da operação para a capital portuguesa, que arrancou em Julho de 2012. De acordo com o responsável, a Emirates já transportou 200 mil passageiros na rota de Lisboa, com uma taxa de ocupação muito próxima dos 80%, numa “ponte directa para o Dubai”, que “transformou o mercado, criando novas oportunidades”. A Emirates recebeu ontem a comunicação social nas suas instalações de Lisboa para um media gathering de Natal, durante o qual David Quito fez um balanço positivo de 2013, afirmando que este “foi um ano marcante” e de “consolidação no mercado em Portugal”. Apesar do sucesso em Lisboa, a Emirates não tem, para já, planos para vir a voar para qualquer outra cidade portuguesa, ainda que David Quito não descarte totalmente essa hipótese, afirmando que “na Emirates tudo é possível”. “Na Emirates tudo é possível, ninguém diria que íamos abrir Lisboa em plena crise e abrimos”, afirmou o responsável em declarações aos jornalistas. Quanto a novidades, o country manager da companhia para Portugal destaca o lançamento, a 2 de Dezembro, de voos diários para a capital angolana, que podem ser também importantes para Portugal, assim como Maputo, em Moçambique, para onde a companhia tem interesse em voar, apesar de não existirem ainda certezas quanto à realização da operação. Certa é a abertura, em Fevereiro, de uma rota para Taiwan, assim como a colocação do primeiro A380 na Península Ibérica, que a partir de Fevereiro passa a realizar os voos de Barcelona. I.M.