Lisboa: RevPar de Outubro com aumento significativo

O preço médio por quarto disponível nas unidades hoteleiras de Lisboa registou em Outubro um aumento de 9,6% face ao mesmo mês do ano passado. Ocupação e Average também subiram, embora não em todas as categorias, e forma menos expressiva. Os dados são do Observatório do Turismo de Lisboa.

De acordo com os dados divulgados esta terça-feira pelo Observatório do Turismo de Lisboa, a ocupação média da cidade cifrou-se em Outubro nos

87,27%, denotando um crescimento homólogo de 1,0%. As unidades de três estrelas apresentam a maior taxa de ocupação, com 91,06%, o que corresponde no entanto a -0,6% que no mês homólogo do ano passado. Os 4 estrelas também registaram uma descida homóloga (-0,5% para 90,61%). Já os 5 estrelas, com uma ocupação de 78,26%, registaram um aumento expressivo: +5,7%.

No somatório de Janeiro a Outubro, a ocupação atingiu os 78,74%, o que se expressa num aumento de 4,2% face ao período homólogo de 2014. No acumulado todas as categorias de hotéis tiveram uma evolução positiva, que mais acentuada nos cinco estrelas (+9%).

Em matéria de Average (Preço Médio por Quarto Vendido), o mês de Outubro apresentou um au­mento de 8,5%, repercutido num preço médio de 90,68 euros. As unidades de quatro estrelas protagonizaram o maior crescimento (+8,6%), materializado num valor médio de 76,68 euros. Neste indicador todas as categorias de hotéis manifestaram uma evolução homóloga positiva, tanto em Outubro como no acumulado do ano.

Já o Re­vPar (Preço Médio por Quarto Disponível) registou em Outubro o maior aumento (9,6%) quando comparado com os indicadores ocupação e average. As unidades de cinco estrelas alcançaram o aumento mais po­sitivo (12,9% para 112,66€), enquanto os quatro estrelas cresceram 8% (para 69,47€) e os três estrelas 7,2% (para 56,85€).

No acumulado de Janeiro a Outubro o RevPar apresenta evoluções positivas nas três categorias analisadas, sendo o aumento mais expressivo nos 5 estrelas (+15,9% para 96,66€).