Macro Viagens: agência online propõe viagens “realistas” à Índia

“Índia Budista com ensinamentos de Paulo Borges” é o mais recente roteiro da Macro Viagens, uma agência de viagens especializada no destino Índia, fundada em 2017 e que apenas tem presença digital.

Com funcionamento apenas online, em www.macroviagens.pt, a nova agência de viagens assume-se como especialista em viagens em grupo à Índia e apresenta como factores de diferenciação a “forte componente espiritual” e as “preocupações com o turismo sustentável” nas viagens que organiza e em que as refeições são “100% vegetarianas”.

Já com alguns meses de funcionamento, é agora que a Macro Viagens está a dar-se a conhecer oficialmente ao mercado. Projecto familiar fundado por Diana Chiu e Igor Chiu Soares, esta agência online oferece “viagens diferenciadoras com experiências mais realistas do que turísticas, contacto com cultura e população locais, refeições tradicionais exclusivamente vegetarianas e proximidade com diferentes tradições religiosas e espirituais”.

Com o RNAVT nº 7304 do Turismo de Portugal, a agência quer contribuir, com as suas viagens, “para um turismo sustentável, ético e responsável, não só a nível ambiental e cultural, mas também a nível do respeito pelas economias locais”. Índia Budista, Índia Sul + Ashram e Índia Sul + Ayurveda são os três roteiros actualmente disponibilizados pela agência que, no entanto, promete para breve um quarto programa, relacionado com Yoga.

“Índia Budista com ensinamentos de Paulo Borges” é a proposta agora lançada, uma viagem que passa por alguns dos locais mais marcantes da vida do Buda Histórico e que será acompanhada por Paulo Borges, praticante da via do Buda, que facilitará um Curso de Introdução ao Budismo durante a viagem. que vai decorrer de 14 e 30 Setembro deste ano. As inscrições estão abertas, têm um limite de 14 pessoas e a participação tem um custo (investimento, como se lê no site da agência) de 2.890€.

Defendendo um turismo sustentável, ético e responsável, com uma percentagem do lucro de cada programa de viagem a reverter para uma associação local consoante o destino de cada programa, a Macro Viagens tem uma “Bolsa de Viagens” com candidaturas abertas, que visa premiar um viajante por ano.

De destacar ainda que todos os grupos são acompanhados pelos fundadores da agência.

Programa detalhado em: https://macroviagens.pt/india-budista-setembro-2018/.