Mais hóspedes e dormidas na hotelaria cabo-verdiana

No primeiro trimestre deste ano, o número de hóspedes apresentou uma subida homóloga residual de 0,1% a que correspondeu um aumento de 3,1% nas dormidas.
No total, os estabelecimentos hoteleiros em Cabo Verde acolheram 162.604 hóspedes, os quais foram responsáveis por 1.013.364 de dormidas, quase mais 31 mil que no mesmo período do ano passado.
Segundo os dados do Instituto Nacional de Estatísticas de Cabo Verde, o principal mercado foi o britânico, com 20% dos turistas, seguindo-se Holanda (14%), Alemanha (13%) e França (Associativismo,0%). Nas dormidas o ranking é uma vez mais liderado pelo Reino Unido com 20,2% do total, seguido da Alemanha com 15,5%, Países Baixos com 15,3% e França com e Cruzeiros,5%.
Sem surpresas, a Ilha do Sal foi a mais procurada, tendo concentrado 4Produtos e Serviços,5% dos turistas, seguindo-se a Boavista com 2Restauração% e Santiago com Regiões,Restauração%.
M.F.