Melchior Moreira congratula-se com inclusão do Turismo Religioso no PENT

O presidente do Turismo do Porto e Norte de Portugal (TPNP), Melchior Moreira, veio ontem congratular-se com a inclusão do Turismo Religioso no Plano Estratégico Nacional de Turismo (PENT), uma decisão que vai ao encontro das reivindicações do TPNP, que considera o Turismo Religioso ?como estratégico para a promoção do seu território?. ?Não é menos verdade que hoje me sinto particularmente satisfeito ao ver finalmente contemplada no PENT, de acordo com a última revisão efectuada no horizonte de 2015, uma referência muito especial ao Turismo Religioso, devidamente aprovada em Conselho de Ministros?, começa por afirmar Melchior Moreira, destacando os ?resultados francamente positivos? deste produto. Com a inclusão no PENT, Melchior Moreira considera que o Turismo Religioso ?foi alvo de um importante UP GRADE ao assumir um papel estratégico no âmbito dos circuitos turísticos religiosos e culturais?, o que vai enriquecer e fortalecer ?o peso que este produto tem, tanto para o destino Porto e Norte de Portugal, como para a própria oferta em termos nacionais?. O presidente do TPNP diz que, apesar da crise, os circuitos turísticos religiosos e culturais estão em ?retoma?, sendo este um produto que continua ?com peso significativo em termos de procura, com especial atenção para países como a França, Itália, Escandinávia, Alemanha, Rússia, Reino Unido e Espanha, representando 62% do mercado europeu?. ?É caso para dizer que este é efectivamente um produto resistente, perspectivando-se um crescimento médio anual de 4% nos próximos anos?, refere Melchior Moreira, que considera que este será um produto importante para aumentar as dormidas na região Norte, o que implica o reforço dos circuitos, segmentando-os para as vertentes generalista e temática, além da sua individualização. ?Ao individualizar o Turismo Religioso, conferindo-lhe um papel estratégico, estamos simultaneamente a valorizar a visita a edifícios e/ou locais religiosos, motivada pela vontade de descoberta destes espaços numa perspectiva cultural?, explica o responsável. Melchior Moreira lembra ainda as actividades e o património ligado ao Turismo Religioso existentes na região Norte, congratulando-se pelo ?reforço qualitativo? de que este segmento tem sido alvo ?enquanto importante produto turístico para o Porto e Norte, numa perspectiva de contemporaneidade, de novos horizontes e novos desafios?. ?O objectivo agora alcançado tem uma importância relevante para toda a região, indo naturalmente ao encontro do trabalho que todos temos vindo a desenvolver e de uma nova visão da Igreja para as questões do Turismo e, em particular, da Arquidiocese de Braga?, conclui o responsável, reiterando a disponibilidade da entidade regional de turismo para ?apoiar o desenvolvimento turístico da região, para a qual o Turismo Religioso presta um importante contributo?. I.M.