MSC Cruzeiros actualiza itinerários para as Caraíbas e mantém partidas de Havana

Após os recentes acontecimentos naturais que afectaram vários destinos nas Caraíbas, nomeadamente Philipsburg (St.Martin), Road Town (Ilhas Virgens Britânicas), e Roseau (Dominica), a MSC Cruzeiros acaba de actualizar os itinerários dos seus cruzeiros nessa região.

A MSC Cruzeiros continua empenhada nas Caraíbas enquanto destino, com uma operação contínua de quatro navios ao longo dos próximos meses e com a introdução de um quinto navio, o MSC Seaside, a partir de Dezembro.

A companhia tem vindo a trabalhar em estreita colaboração com as autoridades, com os governos e outras entidades das áreas afectadas das Caraíbas, de modo a realizar uma avaliação apropriada no que respeita não só aos destinos existentes como que serão agora introduzidos.

Os três itinerários do MSC Divina nas Caraíbas Orientais com partida de Miami nos dias 30 de Setembro, 14 e 28 de Outubro que inicialmente incluíam Philipsburg, e San Juan (Porto Rico), vão agora realizar cruzeiros pelas Caraíbas Ocidentais, com saídas de Miami, passando por Montego Bay (Jamaica), George Town (Ilhas Caimão), Costa Maia (México), e Nassau (Bahamas)

A partir do dia 11 de Novembro, os itinerários de 7 noites pelas Caraíbas Orientais com partida de Miami a bordo do MSC Divina farão agora escala em St. John (Antígua e Barbuda), em vez de no porto de Philipsburg.

Relativamente aos long cruises do MSC Divina com partida de Miami em Janeiro e Fevereiro de 2018, na partida de 3 Janeiro, o navio realizará escala em Oranjestad (Aruba) e em Willemstad (Curaçao) substituindo assim Road Town/Tortola e Basseterre (St Kitts & Nevis). Na partida de 25 Janeiro, San Juan vai substituir a escala em Philipsburg, enquanto na saída de 15 Fevereiro, o navio fará escala em San Juan, Bridgetown (Barbados) e Pointe-a-Pitre (Guadalupe) em vez de Philipsburg, Road Town/Tortola e St John (Antígua e Barbuda).

Nos itinerários de 7 noites com partida de Forte de France (Martinique), o MSC Fantasia realizará, nos seus cruzeiros entre 25 de Novembro próximo e 31 de Março de 2017, escalas em La Romana (República Dominicana), em vez de RoadTown/Tortola, e em Basseterre, substituindo Roseau (Dominica), passando ainda um dia adicional em navegação em vez de fazer escala em Philipsburg.

Entretanto, nos itinerários das Caraíbas Orientais com partida de Miami, o MSC Seaside realizará escalas em St John (Antíguae Barbuda), em vez dePhilipsburg, nas suas viagens entre 23 de Dezembro de 2017 e 17 de Março de 2018.

Para além disso, os itinerários do MSC Opera e do MSC Armonia que estarão a realizar a operação nas Caraíbas com partidas de Havana (Cuba), permanecem sem alterações e continuarão a realizar escalas em Montego Bay, Georgetown e Cozumel.