Navarra apresenta gama de turismo de saúde em Lisboa

Na terça-feira, dia 24 de Novembro, o Departamento de Turismo e Comércio, Governo de Navarra e da Câmara Municipal de Pamplona apresentaram, em Lisboa, o turismo de saúde e médico em que a região aposta.

No encontro estiveram presentes o director de Turismo de Promoção de Navarra, Iñaki Martínez de Virgala, o chefe de Economia Social, Emprego, Comércio e Turismo de Pamplona, Alberto Tomás, a directora dos Hoteles Pamplona Maite Somocurcio e o director de Marketing da Clínica Universidad de Navarra Jaime Arellano.

Navarra assume-se como um destino turístico e médico de eleição, algo que vai para além da qualidade dos seus hospitais e clínicas, passando também pela disponibilidade e qualidade de serviço e trabalhadores locais.

Maite Somocurcio esclareceu que os Hoteles Pamplona, dentro das suas diferentes categorias, estão preparados para receber hóspedes que se desloquem a Navarro por necessidades médicas, com acessos apropriados e menus a ser preparados consoante a dieta requisitada ao paciente.

As especialidades porque prima a região são principalmente a oncologia, cirurgia de alta complexidade, hematologia e de otorrinolaringologia. Jaime Arellano afirma que “a assistência médica não acaba quando o paciente sai do hospital” e que é esta a razão da alta procura de Navarro neste sector do turismo.

A Clínica Universidad de Navarra, em Pamplona, é um hospital de ensino sem fins lucrativos com recurso a tecnologia de ponta. Já tendo uma colaboração bem-sucedida com a Medis, pretende alargar o seu leque de colaborações com instituições portuguesas, de modo a facilitar a ligação entre Portugal e Navarra.

Uma vez em Pamplona os turistas que procurem assistência médica mas não internamento podem usufruir da conhecida como “Cidade Verde”, devido à sua ligação com a natureza. Segundo Alberto Tomás a cidade está no caminho de ser uma “smart city”, apostada no desenvolvimento e pioneira em energias renováveis. A cidade destaca-se pela hospitalidade, património histórico e também pela gastronomia, com três restaurantes com Estrela Michelin.