Número de hotéis em Lisboa quase que duplicou em 10 anos

Lisboa dispunha de 204 hotéis de três, quatro e cinco estrelas em 2017, quando em 2008 o número de unidades hoteleiras era de 105, revela a Associação Turismo de Lisboa.

De acordo com os dados disponibilizados à Lusa, a capital portuguesa contava com 105 unidades hoteleiras desta tipologia em 2008, sendo que em 2017 passou a ter 204 hotéis, um crescimento que na óptica do director-geral da ATL, Vítor Costa, trouxe ao país “alguma riqueza” e impediu que Portugal continuasse “a empobrecer”.

O maior aumento de unidades hoteleiras aconteceu entre 2014 e 2015, com 23 novos hotéis a abrirem na cidade, o que representa um acompanhamento do crescimento da procura, disse Vítor Costa, em declarações à Lusa, acrescentando que “há aqui uma evolução que nos torna um destino turístico hoje com um peso muito diferente daquele que tínhamos inicialmente, com impactos positivos a nível económico, a nível do peso para a economia regional, das exportações, do emprego”.

Refira-se que de acordo com a AHP, está prevista a abertura de 61 hotéis em Portugal este ano, 25 dos quais em Lisboa. A região de Lisboa vai receber 29 novas unidades hoteleiras, sendo que apenas quatro não estarão dentro da cidade.

Relativamente ao preço médio por quarto nos hotéis de três, quatro e cinco estrelas, os dados do Turismo de Portugal dão conta que em 2017 a estadia num quarto de hotel em Lisboa custava em média 103 euros, o valor mais alto em 10 anos.

Também a procura tem aumentado, com a taxa de ocupação por quarto a rondar os 81%, significando a maior taxa de ocupação registada entre 2008 e 2017.