Ocupação cresceu na hotelaria da cidade de Lisboa em Abril

Na cidade de Lisboa, a taxa de ocupação por quarto na hotelaria subiu em Abril, face ao mesmo mês do ano passado, mas manteve-se igual a Abril do ano passado quando se analisa a região no seu todo.

De acordo com dados do Observatório do Turismo de Lisboa, na cidade os hotéis de 3 estrelas apresentaram a maior taxa de ocupação por quarto, ultrapassando os 90%, seguidos dos de 4 estrelas, com 89,71%, e dos de 5 estrelas, com 75,73%.

Em Abril, as unidades hoteleiras de 5 estrelas da Região de Lisboa apresentaram um crescimento de 2,4% na taxa de ocupação, comparativamente a 2017, enquanto as unidades de 3 e 4 estrelas tiveram uma ligeira descida.

Quanto ao preço médio por quarto vendido e preço médio por quarto disponível registaram-se variações positivas de 6,2% e de 6,6%, respectivamente, na cidade de Lisboa, e de 6,1% na região.

Em Lisboa, nas unidades de 3 estrelas, o preço médio praticado por quarto vendido passou de 74,49 euros, em 2017, para 82,37 euros, em 2018. Em relação aos hotéis de 4 estrelas, o preço médio por quarto disponível teve um aumento de 6,02%, tendo atingido os 94,93 euros, e nos de 5 estrelas, o preço médio por quarto vendido chegou aos 174,53 euros, o que corresponde a um acréscimo de cinco euros.

A análise do Observatório do Turismo de Lisboa refere que, na área metropolitana de Lisboa, o preço médio por quarto vendido foi de 78,74 euros, nas unidades hoteleiras de 3 estrelas, 87,22 euros, nas de 4 estrelas, e 172,37 euros, nas de 5 estrelas, correspondendo a aumentos de 10%, 6,3% e 1,7%, respectivamente, enquanto o preço médio por quarto disponível chegou aos 68,30 euros, nos hotéis de 3 estrelas, 74,94 euros, nos de 4 estrelas, e 126,01 euros nos de 5 estrelas.