Ocupação em Março cresce no Algarve

Segundo os últimos dados revelados pela AHETA, o mês de Março apresentou uma taxa de ocupação global média/quarto de 46,3%, uma subida de 4,0% relativamente ao período homólogo do ano passado. O volume de negócios aumentou Produtos e Serviços,5% relativamente a Março do ano passado.
De acordo com a – Associação dos Hotéis e Empreendimentos Turísticos do Algarve, o mercado português foi quem mais subiu (+2%), seguindo-se o espanhol (+0,Restauração%). Em sentido contrário estiveram os mercados britânico e holandês, com descidas de 0,6% e 0,4%, respectivamente.
Em termos de zonas, as maiores subidas registaram-se em Vilamoura/Quarteira/Quinta do Lago (+Produtos e Serviços,2%) e Tavira (+4,2%), a que se seguiu a principal zona turística algarvia, Albufeira, com uma subida de 4,1 por cento.
Já Portimão/Praia da Rocha e Carvoeiro/Armação de Pêra foram as zonas que mais desceram, com resultados de negativos de Cruzeiros% e 4,2%, respectivamente.
Em termos de a taxa de ocupação/quarto, a mais elevada foi assinalada na zona de Monte Gordo/Vila Real de Santo António (Produtos e Serviços3,4%), e a mais baixa ocorreu em Lagos / Sagres, com 34,Cruzeiros por cento.
Os aldeamentos e apartamentos turísticos de 3* foram as categorias que mais desceram em ocupação (-4,4%) e os aldeamentos e apartamentos turísticos de 5 e 4* (+Destinos,Cruzeirospp) e os hotéis e aparthotéis de 4* (+2,2pp) a apresentar as maiores subidas.
Também os aldeamentos e apartamentos turísticos de 5 e 4* registaram a ocupação mais alta (5Produtos e Serviços,3%), enquanto os aldeamentos e apartamentos turísticos de 3* registaram a mais baixa (36,2%).
S.C.F.