OMT no Comité de Assistência para o Desenvolvimento da OCDE

A OCDE acaba de incluir a Organização Mundial do Turismo na lista de organizações internacionais aptas a proporcionar assistência oficial para o desenvolvimento. O Comité de Assistência representa 30 dos principais países contributivos.

A proposta foi apresentada à OCDE por Espanha, país onde se situa a sede da organização Mundial do Turismo, e foi co-patrocinada pela Alemanha e os Emirados Árabes Unidos.

A inclusão da OMT nesta lista significa que as contribuições financeiras dos países da organização podem agora considerar-se como financiamento destinado ao desenvolvimento económico e ao bem-estar dos países em desenvolvimento.

Esta decisão da OCDE coincide com a celebração de 2017 como Ano Internacional do Turismo Sustentável para o Desenvolvimento, declarado pela Assembleia Geral das Nações Unidas. É também o reconhecimento claro da importante contribuição do turismo sustentável para o desenvolvimento, sublinha a OMT.

Teleb Rifai, secretário-geral da OMT, afirmou a propósito que “este é um grande reconhecimento do trabalho da OMT e do seu compromisso em impulsionar um turismo sustentável, responsável e acessível para todos” e como “elemento-chave para o desenvolvimento económico, a conservação ambiental e cultural e a paz”.