OMT: turismo internacional supera as expectativas

Nos primeiros quatro meses de 2018 as chegadas de turistas internacionais em todo o mundo aumentaram em 6%, relativamente ao período homólogo do 2017. Este número revela o continuar da tendência verificada em 2017 e até o superar das previsões da Organização Mundial de Turismo para 2018.

A Europa apresenta um crescimento de 7%, apenas superado pelo aumento de 8% da Ásia-Pacífico. África (+6%), Médio Oriente (+4%) e América (+3%) mostram também resultados sólidos. A OMT – Organização Mundial de Turismo tinha inicialmente previsto um aumento entre 4% e 5% na chegada de turistas internacionais em todo o mundo em 2018.

Entre Janeiro e Abril de 2018, a Europa obteve excelentes resultados, com os destinos da Europa do Sul e do Mediterrâneo, bem como a Europa Ocidental a ser os principais motores deste crescimento, com um aumento de 8% cada. Na Ásia-Pacífico os destinos mais procurados são os do Sudeste (+10%) e Nordeste (+9%).

Calcula-se que os melhores resultados na América digam respeito à América do Sul, com um crescimento de 8%, com a sub-região das Caraíbas a apresentar uma quebra de 9%, dada a situação de alguns destinos que ainda se encontram em recuperação após os danos causados pelos furacões de 2017.

Zurab Pololikashvili, secretário-geral da OMT, comenta que “o turismo internacional continua a crescer de forma significativa em todo o mundo”, para acrescentar que “este crescimento recorda-nos que é necessário aumentar a nossa capacidade de desenvolver e gerir o turismo de forma sustentável, construindo destinos inteligentes e aproveitando ao máximo a tecnologia e inovação”.

A OMT está confiante neste continuado crescimento do turismo mundial, com o seu último estudo a apresentar as previsões mais optimistas dos últimos 10 anos para o período entre Maio e Agosto de 2018, graças a uma intuição especialmente positiva para os destinos da África, Médio Oriente e Europa.