Parque de Monserrate é finalista dos European Garden Awards

O Parque de Monserrate, em Sintra, foi seleccionado para ser um dos três finalistas internacionais dos European Garden Awards, concorrendo na categoria ?Melhor Desenvolvimento de um Parque ou Jardim Histórico?, informou ontem a Parques de Sintra, empresa responsável pela gestão dos parques e monumentos de Sintra. ?Esta nomeação, seleccionada entre inúmeros parques e jardins europeus, é elaborada com base em critérios como a utilização de métodos inovadores de implementação e gestão, a relevância para o desenvolvimento urbano, sustentabilidade ou envolvimento da comunidade, bem como a elevada qualidade na construção, restauro e manutenção?, explica a Parques de Sintra em comunicado. Além do Parque de Monserrate, a categoria Melhor Desenvolvimento de um Parque ou Jardim Histórico? conta também com o SummerGarden, em São Petersburgo, na Rússia, e com o Gunnebo Castle and Garden, na Suécia, como finalistas. Os prémios, que são entregues pela European Garden Heritage Network (EGHN) e pela SchlossDyck Foundation, abrangem três categorias, sendo que, além da categoria ?Melhor Desenvolvimento de um Parque ou Jardim Histórico?, há também um prémio para o ?Melhor Desenvolvimento de um Parque ou Jardim Contemporâneo?, sendo ainda atribuído um prémio especial da Fundação SchlossDyck, que distingue iniciativas que apoiem a criação ou restauro de um parque ou jardim. O júri dos prémios é constituído por especialistas em jardins e paisagismo, estando a cerimónia de entrega de prémios agendada para 6 de Setembro, em Juechen, na Alemanha, contando com a presença de representantes dos finalistas de cada categoria. O Parque de Monserrate integra exuberantes jardins e um palácio, remonta ao século XIX e é considerado um dos mais ricos jardins botânicos portugueses. O parque tem vindo a ser recuperado nos últimos anos e, recentemente, foram inaugurados o Jardim do México e do Roseiral. I.M.