Portos portugueses esperam recorde de passageiros e cruzeiros

Depois de em 2017 terem atingido números recorde de passageiros e cruzeiros, as administrações dos portos de Lisboa, Madeira, Açores, Portimão, Leixões e Setúbal, esperam ter novos recordes este ano.

Ao todo, os portos de Lisboa, Madeira, Açores, Portimão, Leixões e Setúbal processaram, o ano passado, mais de 1,3 milhões de passageiros de cruzeiros, +5% que em 2016. Já as escalas subiram 10 pontos percentuais e fixaram o novo recorde em 947.

A Cruise Portugal – APP, Portos de Portugal, marque que reúne todos os portos referidos e que assim se apresenta na Seatrade Cruise Global que decorre até dia 8 nos Estados Unidos, congratula-se com estes resultados, com as administrações portuárias a preverem que seja alcançado um novo recorde, num ano em que se realizará pela primeira vez em Portugal a Seatrade Cruise Med, a decorrer nos dias 19 e 20 de Setembro, em Lisboa. Este evento, o maior para o mercado de cruzeiros do mediterrâneo, à semelhança do que ocorreu nos destinos em que tiveram lugar as edições anteriores, será uma importante alavanca no crescimento dos portos nacionais no que diz respeito à actividade de cruzeiros.

Os resultados de 2017 demonstram que Lisboa lidera este ano como o porto com mais escalas registando um movimento de 330 navios de cruzeiro. Por sua vez, a Madeira é líder no número de passageiros com 540 593, incluindo o porto do Funchal e o porto do Porto Santo. Os Açores viram o número de escalas aumentar 26% passando de 121 para 152. O porto de Leixões tem registou 100 escalas e 95.562 cruzeiristas, +33% face ao ano homólogo. Portimão recebeu 71 escalas, crescendo 65%, e quase 30 mil passageiros, num aumento de 53%.