Pressão do turismo e do imobiliário discute-se em Lisboa

A conferência “Lisboa, que futuro?”, que decorre nos dias 17 e 18 de Abril no ISCTE — Instituto Universitário de Lisboa, vai reunir especialistas nacionais e estrangeiros para discutir a pressão do turismo e do imobiliário na capital portuguesa.

De acordo com a responsável pela organização, a socióloga Sandra Marques, do ISCTE, em declarações à Lusa, “o objectivo é discutir as mudanças actuais da cidade de Lisboa, em grande medida a partir das experiências internacionais de outras cidades que já viveram este fenómeno”.

Sandra Marques Pereira gostaria que da conferência “saísse uma sensibilização para as várias instâncias mais ou menos directamente envolvidas neste processo no sentido de começar a haver uma reflexão mais aprofundada sobre este tema”.

Na opinião da investigadora, é necessário “começar-se a investir na monitorização em tempo real e começar a pensar que medidas podemos começar a tomar tendo consciência de que o turismo é imparável, que não temos qualquer margem de manobra para dominar a globalização”. No entanto, apesar de tudo, “é possível ter alguma acção no sentido de minimizar os impactos negativos deste processo”, realçou.