Realidade do turismo termal debate-se em Melgaço

Entidades luso-espanholas vão debater, no próximo dia 7 de Outubro, nas Termas do Peso, em Melgaço, a “Raia Termal: Um destino em dois países – o termalismo como elemento dinamizador do território transfronteiriço”. As inscrições decorrem até 5 de Outubro.

As particularidades do projecto transfronteiriço ‘A Raia Termal’, as perspectivas do turismo termal a nível internacional e o novo quadro de financiamento comunitário 2014-2020 serão os temas a debater por vários especialistas da área.

O projecto ‘A Raia Termal’, no âmbito do Programa Operacional de Cooperação Transfronteiriça Espanha-Portugal (POCTEP), nasceu com o propósito de proteger e conservar os espaços naturais fluviais fronteiriços do Minho e do Lima, de forma a contribuir para a melhoria do meio ambiente e dos recursos termais da zona e da criação de uma rede que fomente a estruturação dos recursos termais transfronteiriços raianos de Ourense e do Norte de Portugal, tendo como objectivo a sua valorização turística.

A abertura do seminário ficará a cargo de Manoel Batista, presidente da Câmara Municipal de Melgaço, de José Maria Costa, presidente da Comunidade Intermunicipal do Alto Minho, de Rosendo Luis Fernández Fernández, vice-presidente da Deputação de Ourense, e de Francisco Marín Muñoz, presidente da Confederação Hidrográfica do Minho-Sil.

O seminário é aberto ao público em geral com destaque para as empresas e instituições ligadas à temática das termas e ao turismo.